Sexta-feira, Agosto 19, 2022

Slide Slide
InicioEsportesClubes distribuem bolsas de estudo

Clubes distribuem bolsas de estudo


Corinthians, Flamengo e Atlético-MG iniciaram uma parceria com a Universidade Brasil para que o desempenho das equipes no Campeonato Brasileiro se converta em educação. A cada gol marcado, uma bolsa de estudos, a cada rodada sem sofrer gols, mais uma, a cada vitória, outra bolsa liberada, e se terminar a rodada na liderança da Série A, mais uma pessoa de baixa renda poderá entrar no ensino superior. Esses são os critérios da parceria que, só com os três times, já liberou este ano 185 cursos gratuitos na universidade.

A vitória por 2 a 1 do Flamengo sobre o Atlético-MG no domingo, por exemplo, se transformou em quatro bolsas de estudo através do convênio. O primeiro a aderir foi o clube paulista que, só em 2017, liberou 102 bolsas de estudo de acordo com o seu desempenho na Série A.

Este ano, o desempenho do Flamengo já se transformou em 75 bolsas de estudo, o Atlético-MG liberou 47 e, o Corinthians, outras 63. Todas as bolsas são EAD, ou seja, ensino à distância. Já existem tratativas com outras equipes de outros estados para ampliar o projeto Esporte com Educação.

Os clubes têm autonomia para escolher onde serão distribuídas as bolsas. As primeiras liberadas pelo Flamengo, por exemplo, serão entregues para pessoas ligadas ao movimento Afroreggae. O Corinthians, por outro lado, possui parceria com ONGs em Itaquera. Os clubes não pagam nada.

Para ser beneficiado, só há duas exigências: comprovar a baixa renda, e manter as notas em determinado patamar durante o curso. Reprovação acarreta perda da bolsa.

Rodrigo Leitão
Editor-Chefe do site
Mais publicações

Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide Slide

Mais populares

Comentários recentes