Próxima etapa de vacinação em Joaçaba será para doentes crônicos

Município já vacinou mais de 30% da população e quase a totalidade dos habitantes acima de 60 anos. Data para a segunda fase de imunização ainda não está marcada, mas município tem mais de mil doses de vacina em estoque, sobras de primeira e segunda doses da programação inicial

O município de Joaçaba já está finalizando a vacinação contra o COVID-19 em idosos e se receber a quantidade necessária na próxima remessa de doses, poderá finalizar a vacinação em pessoas acima de 60 anos, mas a grande maioria já foi vacinada. Até agora, 31,5% da população já recebeu vacinas de primeira e segunda dose. De acordo com os números divulgados esta semana pela Secretaria de Saúde, ainda há 1.050 doses para as duas programações, em estoque.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, a informação prévia é de que a próxima etapa em Joaçaba será para doentes crônicos, “mas ainda não há a confirmação, apenas a informação de que essas pessoas precisarão apresentar uma declaração do médico atestando qual é o seu problema de saúde”. De acordo com a Prefeitura, os munícipes que apresentam as comorbidades listadas a seguir já devem providenciar as declarações dos médicos para se habilitarem a receber a vacina contra a Covid-19.

Confira abaixo as comorbidades incluídas como prioritárias para vacinação contra a covid-19, conforme o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação:

– Diabetes mellitus

– Pneumopatias crônicas graves

– Hipertensão Arterial Resistente (HAR)

– Hipertensão arterial estágio 3

– Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade

– Insuficiência cardíaca (IC)

– Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar

– Cardiopatia hipertensiva

– Síndromes coronarianas

– Valvopatias

– Miocardiopatias

– Pericardiopatias

– Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

– Arritmias cardíacas

– Cardiopatias congênita no adulto

– Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

– Doença cerebrovascular

– Doença renal crônica,

– Imunossuprimidos

– Anemia falciforme

– Obesidade mórbida

– Síndrome de Down

– Cirrose hepática