Presidente da Câmara de Vereadores de Campos Novos morre de Covid-19

Adavilson Telles, o Mancha, de 40 anos, estava hospitalizado desde o dia 6 de março quando foi diagnosticado com o novo coronavírus.

O presidente da Câmara de Vereadores de Campos Novos, no Meio-Oeste de Santa Catarina, Adavilson Telles, o Mancha, de 40 anos, morreu de Covid-19, na tarde desta segunda-feira, dia 19. Ele iniciou o tratamento para a doença em 6 de março e no dia 26 foi internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Bom Jesus de Ituporanga, no Alto Vale do Itajaí. Esse é o 67º óbito registrado de moradores campos-novense. A prefeitura de Campos Novos decretou luto oficial de três dias.

Mancha iniciou a carreira política aos 27 anos se elegendo vereador pela primeira vez pelo PP (Partido Progressista). Ele estava no quarto mandato consecutivo como vereador. Foram 14 anos dedicados à vida pública, tendo como bandeira a defesa da moralidade administrativa, cobrando ações efetivas dos gestores municipais para melhorias na cidade de Campos Novos.

Em 2012, Mancha foi reeleito como o vereador da oposição mais votado. Neste ano ele estava exercendo seu quarto mandato como vereador em Campos Novos e foi conduzido presidente do Poder Legislativo pela primeira vez. Mancha integrava a executiva estadual do PP e presidia o diretório municipal do partido. Ele era casado com Geovana Recalcatti e estava no aguardo do nascimento da filha Helena.

Com informações do nd+