Senador Jorginho Mello participa de live promovida pela Acioc

A Acioc promoveu nesta terça-feira (9), uma live com o Senador Jorginho Mello (PL-SC), presidente da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa. O tema central foi “A superação da pandemia com foco na retomada econômica”.

Jorginho Mello traçou um panorama sobre a pandemia, reiterando a importância de mantermos os cuidados com a saúde, mas sem deixar de lado a preocupação com o cenário econômico – em especial no que diz respeito aos pequenos negócios. O senador foi enfático: “na atual situação, escancarou-se a falta de crédito para fomentarmos esse segmento. O Pronampe, Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, nasceu dessa urgência. Minha intenção com o projeto foi conceder crédito barato e em longo prazo para micro e pequenas empresas, como o Pronaf faz com a agricultura familiar. No Pronampe a taxa anual é a Selic (atualmente em 3,75%) mais 1,25%. O prazo de pagamento é de 36 meses, com oito meses para começar a pagar as parcelas. Está regulamento e pronto para ser operacionalizado por bancos públicos e privados”.

Em outro momento da live, o Senador falou sobre a recente liberação de recursos, junto ao Ministério da Saúde, para a compra de um mamógrafo digital para o Hospital Universitário Santa Terezinha (HUST). E adiantou que as tratativas para garantir a implantação de uma UTI neonatal na instituição estão bem adiantadas. Disse ainda, que o segredo para a defesa dos interesses de Santa Catarina e de sua região de origem vêm do que chama de exercitar “política de resultado”.

Sobre a campanha juntospleanossaregião, promovida pela Acioc, Jorginho afirmou sua crença de que a união de esforços, somada aos investimentos nos negócios locais, farão toda a diferença na retomada da economia.

Quando perguntado sobre a possibilidade de se candidatar ao Governo do Estado em 2022, Jorginho assinala que tem muito trabalho pela frente no Senado, em especial em favor do pequeno empresário. Mas confessou que, “se um dia, me for dado esse privilégio, podem ter certeza de que darei o meu melhor. Como sempre fiz”.

Fonte Ascom Acioc

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *