Secretaria da Saúde de Capinzal orienta sobre a prevenção da dengue

Mesmo diante da preocupação com o avanço da epidemia do Coronavírus, mas observando o atual panorama dos casos de Dengue por todo o país, sendo que 2020 já é o ano com maior números de casos de dengue registrados no Estado de Santa Catarina, a Secretaria da Saúde de Capinzal, através do Programa de Combate e Controle ao mosquito Aedes Aegypti, apresenta uma série de recomendações para evitar a proliferação do mosquito transmissor da Dengue, Zika vírus, Chikungunya e da febre amarela urbana:

– Evitar usar pratos nos vasos de plantas. Se usá-los, coloque areia até a borda;

– Guardar garrafas com o gargalo virado para baixo;

– Manter lixeiras tampadas;

– Deixar os depósitos d’água sempre vedados, sem qualquer abertura,  principalmente as caixas d’água;

– Evitar plantas como bromélias, pois acumulam água;

– Tratar a água da piscina com cloro e limpar pelo menos uma vez por semana;

– Manter ralos fechados e desentupidos;

– Retirar a água acumulada em lajes;

– Manter fechada a tampa do vaso sanitário;

– Evitar o acúmulo de entulhos, pois ele pode se tornar local de foco do mosquito da dengue.

Qualquer dúvida sobre o assunto ou para fazer uma denúncia da existência de possíveis focos do mosquito, a população deve procurar o Programa de Combate e Controle ao mosquito Aedes Aegypti, na Unidade de Saúde Central ou fazer contato pelo telefone 3555-8752.
Caso apresente sintomas, procure uma Unidade de Saúde para o atendimento. O perigo é para todos! O Combate também! Faça a sua parte.

(Fonte Prefeitura de Capinzal)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *