Novos municípios passam a integrar o Projeto Recuperar pelo Cincatarina

Foto Divulgação

Onze novos municípios passam a integrar o Projeto Recuperar, por meio do Consórcio Interfederativo Santa Catarina (Cincatarina). A assinatura do convênio foi realizada pela prefeita de Vargem e presidente do Consórcio, Milena A. Lopes, e pelo diretor executivo Eloi Ronnau, e aconteceu nesta terça-feira, dia 26. O convênio prevê o repasse de mais de R$ 5.6 milhões para atender a demanda.

Segundo a presidente do Cincatarina, Milena A. Lopes, a adesão reflete o bom trabalho desenvolvido pelo Consórcio dentro do Programa. “O Cincatarina foi um dos primeiros consórcios a assinar o convênio do Projeto Recuperar e vem demonstrando conhecimento, eficiência e compromisso com o executado, por conta disso, novos municípios já passam a integrar esse nosso modelo, ampliando assim nossa área de atuação e consequentemente nossa responsabilidade, uma vez que o Projeto Recuperar tem como foco principal a segurança dos usuários das nossas rodovias estaduais”, apontou.

Passam a integrar os municípios pertencentes a Associação de Municípios  da Grande Florianópolis (GRANFPOLIS) – Alfredo Wagner,  Angelina, Leoberto Leal e Tijucas; da Associação de Municípios do Nordeste  de SC (AMUNESC) – Araquari,  Balneário Barra do Sul, Campo Alegre e São Bento do Sul; da Associação da Região do Contestado (AMURC) – Curitibanos,  Frei Rogério e Santa Cecília; totalizando assim 345.80 km de extensão de rodovias previstas no Plano Rodoviário Estadual.

O Projeto Recuperar prevê a manutenção e conservação das rodovias estaduais, por meio de recuperação de pavimento, limpeza de plataforma, melhorias em estradas não pavimentadas e sinalização. Ele é realizado por meio do repasse de recursos do Governo do Estado e é executado através de Consórcios, Associações e Municípios. Atualmente o Cincatarina atua em 75 municípios catarinenses dentro do Projeto Recuperar, com uma malha viária de cerca de 2 mil quilômetros.

Fonte Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *