Vereador solicita limpeza de sanitização contra o Codiv-19 em Herval d´Oeste

O trabalho deve ser realizado em ruas, repartições públicas e locais aonde acontecem aglomeração de pessoas. 

Foto Divulgação

Herval d’ Oeste – Aprovado por unanimidade, na sessão online desta segunda-feira (4), o Requerimento nº 050/2020, de autoria do vereador do PSC, João Marqueze, solicitando o encaminhamento de ofício ao Poder Executivo Municipal que, por meio de Secretaria Municipal de Saúde, promova com a máxima urgência a realização de limpeza de Sanitização contra o Covid-19 em ruas, espaços públicos, repartições públicas e locais onde acontecem aglomeração de pessoas.

Conforme João Marqueze, essa nova modalidade de sanitização facilita a limpeza desses locais, e deverão ser utilizadas bombas costais ou hidrojateamento com caminhão. O produto que será utilizado tem a finalidade de matar o vírus do Covid-19, que pode estar na superfície, nas paredes, portas, bancos, mesas, corrimãos e no chão.

“A sanitização de ambientes ganhou foco no mundo inteiro depois de ter sido usada como estratégia de combate ao novo Coronavírus (Covid-19) na China. O procedimento de controle microbiológico utiliza tecnologia de ponta para eliminar e impedir a proliferação de vírus, bactérias, fungos e ácaros”.

O vereador destaca que o Ministério da Saúde recomenda o uso do quaternário de amônia para desinfecção de superfícies que possam ter sido contaminadas pelo Covid-19. “Locais de acesso também podem ser protegidos com essa técnica, pois temos diversas empresas que recebem caminhões de várias partes do país. As equipes aplicam a solução desinfetante, esperam agir e, em seguida, executam a lavagem. Por fim, todos os ambientes se encontrarão higienizados e livre de qualquer tipo de vírus ou bactéria”.

Marqueze faz um relato preocupante. “Recentemente vi uma cena na praça municipal que realmente me assustou, entre 20 a 30 pessoas sentadas próximas umas das outras sem usar máscaras. Debaixo de arvores num local úmido, um reduto perfeito para a proliferação do Coronavírus, as pessoas têm que ter a consciência que isto não é uma brincadeira, além de contrair o vírus, elas podem o estar levando para suas casas contaminando familiares e amigos”.