Joaçaba confirma três casos de coronavírus

Foto Portal Caco da Rosa

Prefeitura alerta sobre a importância de medidas de prevenção.

Na manhã desta quinta-feira (16), o prefeito Dioclésio Ragnini e o secretário de Saúde de Joaçaba, Valmor Reisdorfer, fizeram uma entrevista coletiva, a qual foi transmitida pelo facebook da prefeitura, para esclarecer sobre os três casos de coronavírus confirmados na noite desta quarta-feira (15).

Trata-se de três profissionais de saúde, sendo que dois deles atuam no Hospital Santa Terezinha e o outro não trabalha mais no HUST, com faixa etária de 20 a 30 anos, fora do grupo de risco.  Os profissionais estavam com os sintomas e testaram positivos para Covid-19, mas o quadro clínico deles é estável, por isso não estão internados e seguem em isolamento domiciliar.

De acordo com o secretário, já está sendo realizado um trabalho para verificar onde essas pessoas contaminadas passaram e desta forma, tentar descobrir como elas se contaminaram e se existem outras pessoas contaminadas.

Desde que o município apresentou os primeiros casos suspeitos, a administração municipal tomou providências para conter o vírus. Umas das medidas foi montar o Centro de Triagem, juntamente com os municípios de Herval d’ Oeste, Lacerdópolis e Luzerna, para atender os casos suspeitos. O Centro atende 24 horas e está localizado na AABB, na Rua Roberto Trompowski – Centro de Joaçaba e o telefone para contato é (49) 98858 -7435.  Joaçaba também disponibilizou o Plantão Médico telefônico, que atende das 7h às 19h, pelo 3521-1555 Ramal 241.

Além disso, na última semana, o prefeito de Joaçaba decretou o uso massivo de máscaras, para evitar a transmissão comunitária do Coronavírus, podendo ser usadas máscaras de pano (tecido algodão), confeccionadas manualmente. Diante da obrigatoriedade, o Município, por meio da Secretaria de Assistência Social está confeccionando máscaras e distribuindo para a população carente.

A prefeitura orienta a população para que siga todas as medidas de prevenção, principalmente as pessoas que fazem parte do grupo de risco. A orientação é para que permaneçam em suas casas e se for necessário sair, que utilizem máscaras.  Também recomenda medidas básicas de higiene, como lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo. Evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas.  É muito importante que cada um faça sua parte, para que o município não tenha um colapso.

Confira a coletiva completa:

(Fonte Prefeitura de Joaçaba)