Vereadores aprovam mudança na lei para táxis disputarem mercado com Uber em Joaçaba


Rodrigo Leitão
jornalismo@raizesdiario.com.br

Uma semana após a entrada do serviço do aplicativo digital Uber em Joaçaba e região, a Câmara de Vereadores do município aprovou um projeto do Executivo que desregulamenta e flexibiliza o serviço de táxi na cidade. Na sessão encerrada agora há pouco na Câmara Municipal, os vereadores de Joaçaba deram permissão para que os taxistas possam de cadastrar individualmente e, com isso, baixar os custos de parada e circulação nos perímetros regionais.

Na terça-feira, a presidente da Câmara Municipal, Disnéia De Marco, esteve na prefeitura de Joaçaba buscando informações detalhadas do projeto de lei complementar nº 431 que trata de alterações da legislação pertinente ao serviço de transporte individual de passageiros (táxi). O projeto deu entrada na Câmara na última sexta-feira, tramitou segunda e terça e foi aprovado na noite desta quarta, em caráter de urgência.

A nova regra isenta os motoristas de pagar algumas taxas. “Essa legislação nova prevê, ao invés de uma licitação, um credenciamento de motoristas, com algumas exigências, como modelo do veículo, ano de fabricação, a placa vermelha, exigências que a legislação vigente já faz”, disse ao RD Comunicação, na última segunda-feira, o procurador geral do município, Maikel Patrzykot. A forma de permissão para os taxistas está sendo facilitada, de acordo com o Procurador. “Isso vai ajudar a reduzir custos para eles e melhorar a concorrência com o Uber, pois automaticamente haverá redução de custos para o consumidor”, conclui Maikel Patrzykot sobre uma das principais reinvindicações dos motoristas de táxi de Joaçaba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *