Green Book leva o Oscar de melhor filme


Bohemian Rhapsody foi o maior vencedor da noite com 4 prêmios. Lady Gaga ganhou a estatueta pela melhor canção original e a produção da Marvel, Pantera Negra, fez história entre filmes de heróis. O mexicano Alfonso Cuarón, com um filme da Netflix, foi escolhido o melhor diretor, por Roma

Pantera Negra não só fez uma excelente bilheteria como também está fazendo história no Oscar. A Marvel já havia sido indicada na maior premiação do cinema, mas é com o filme de Ryan Coogler que finalmente as estatuetas estão sendo conquistadas.

O filme também registra agora um recorde especial em Figurino: Ruth E. Carter é a responsável por criar os incríveis figurinos do filme e acaba de se tornar a primeira mulher negra a ser indicada (e vencer) na categoria.

GRAMMY
Lady Gaga tem vários prêmios Grammy na coleção, mas neste domingo (25), a diva pop se tornou uma ganhadora do Oscar, com a estatueta de melhor canção original por sua poderosa balada “Shallow”, de “Nasce uma estrela”.

Antes de aceitar o Oscar no Teatro Dolby, Gaga cantou com seu parceiro de cena e direção no filme, Bradley Cooper. No palco, não escondeu as lágrimas. “Não há uma única pessoa no planeta que pudesse ter cantado esta canção comigo, além de você. Obrigado por acreditar em nós”, disse a Cooper, que também dirigiu o filme, remake de um clássico de Hollywood de 1937 de mesmo nome.

A cantora, também indicada a melhor atriz, dirigiu uma mensagem às aspirantes a artistas como sua personagem no filme, Ally, que tem sua grande chance quando conhece o roqueiro Jackson, interpretado por Cooper.

“Isto é trabalho duro. Trabalhei duro durante muito tempo e não se trata de ganhar. Trata-se de não se render. Se você tem um sonho, lute por ele. Há uma disciplina para a paixão e não se trata de quantas vezes te rejeitam ou você cai ou te atingem. Trata-se de quantas vezes você se levanta, tem coragem e segue adiante”, disse Gaga ao público.

A canção “Shallow” superou os indicados “Pantera negra”, o documentário “RBG”, o filme dos irmãos Coen “The balad of Buster Scruggs” e o remake da Disney “O retorno de Mary Poppins”.

POLÍTICA
Infiltrado na Klan, filme indicado em cinco categorias no Oscar, recebeu o prêmio apenas para Roteiro Adaptado, mas isso já foi o suficiente para muitos considerarem que a justiça foi feita para com o diretor Spike Lee.

Lee, que nunca havia sido indicado à categoria Melhor Diretor, não saiu de mãos abanando pois o roteiro de Infiltrado na Klan também foi co-escrito por ele. Em um discurso vigoroso, o diretor americano agradeceu o reconhecimento e também deu um alerta: “A eleição de 2020 está aí! Façamos uma escolha certa entre amor e ódio. Vamos fazer a coisa certa!”.

O diretor subiu ao palco logo após Green Book – O Guia, o grande vencedor da noite, receber a estatueta de Melhor Roteiro Original.

RACISMO

“Green Book: O Guia”, sobre a amizade entre um motorista racista e um músico negro, venceu como Melhor Filme, além de Roteiro Adaptado e Ator Coadjuvante (Mahershala Ali). “Essa é uma história de amor. Sobre sabermos amar uns aos outros apesar das diferenças”, disse o diretor Peter Farrelly ao agradecer no palco pelo Oscar de Melhor .

………………………………………………….

CONFIRA O RESULTADO
MELHOR FILME : Green Book – O Guia

MELHOR DIREÇÃO: Alfonso Cuarón (Roma)

MELHOR ATOR: Rami Malek (Bohemian Rhapsody)

MELHOR ATRIZ: Olivia Colman (A Favorita)

MELHOR ATOR COADJUVANTE: Mahershala Ali (Green Book – O Guia)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE: Regina King (Se a Rua Beale Falasse)

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL: Green Book – O Guia

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO: Infiltrado na Klan

MELHOR ANIMAÇÃO: Homem-Aranha no Aranhaverso

MELHOR FILME ESTRANGEIRO: Roma (México)

MELHOR DOCUMENTÁRIO: Free Solo

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: Pantera Negra

MELHOR FOTOGRAFIA: Roma

MELHOR FIGURINO: Pantera Negra

MELHOR MAQUIAGEM: Vice

MELHOR MONTAGEM: Bohemian Rhapsody

MELHOR TRILHA SONORA: Pantera Negra

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL: “Shallow” (Nasce uma Estrela)

MELHORES EFEITOS VISUAIS: O Primeiro Homem

MELHOR EDIÇÃO DE SOM: Bohemian Rhapsody

MELHOR MIXAGEM DE SOM: Bohemian Rhapsody

MELHOR CURTA-METRAGEM: Skin

MELHOR CURTA-METRAGEM – ANIMAÇÃO: Bao

MELHOR CURTA-METRAGEM – DOCUMENTÁRIO: Period. End of Senten

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *