Ações do Setembro Amarelo em Vargem chamam atenção para valorização da Vida

O mês de setembro é marcado pela Campanha Setembro Amarelo, que trata da prevenção ao suicídio e a valorização da vida. Em Vargem, ações como a apresentação de vídeos em escolas, o uso das redes sociais para alertar aos sinais de quem possa vir a manifestar a intenção de cometer suicídio e, ainda, uma caminhada pela vida, foram algumas das ações promovidas para marcar a campanha.

A Caminhada pela Valorização da Vida aconteceu na manhã de terça-feira, 28 de setembro, numa iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde. Todas as ações alertam sobre a importância dos cuidados com a saúde mental e uma série de sinais e sintomas do pensamento suicida.

Foto Ascom Prefeitura de Vargem

Uma preocupação sempre atual e que deve ser tema de prevenção o ano inteiro, pois de acordo com uma pesquisa realizada em 2016, pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o suicídio é um grave problema de saúde pública – cerca de 800 mil pessoas, em todo o mundo, tiram a própria vida. Só no Brasil foram registrados 13.467 suicídios, uma taxa de 6,1 a cada grupo de 100 mil mortes, ocupando o 8º lugar em números de suicídio.

Para a prefeita de Vargem, Milena Lopes, toda ação em prol da vida é importante. “Muito importante estas ações, haja visto o grande número de suicídios e o grande aumento de tentativas de suicídio. Quadro que, infelizmente, com toda esta situação de pandemia, tem se agravado ainda mais. Nós temos vistos muitas crianças, muitos jovens, muitos idosos e muitos pais de família com transtornos psicológicos que podem levar a esta tentativa de suicídio e nós como comunidade, cidadãos comuns e poder público, precisamos estar atentos”, observou prefeita.

Milena Lopes considera também que políticas públicas de saúde são necessárias para atuar na promoção da saúde mental. “Isso se fez necessário, para que possamos identificar o mais brevemente possível, dentro da nossa comunidade, alguém que corra algum risco, que tenha algum transtorno mental que possa levar a esta prática que é tão infeliz no nosso meio. Então o que eu peço é que todos estejam atentos dentro de nossos núcleos familiares e na comunidade, a sinais de depressão, distúrbios psicológicos e que cada um também tenha o autocuidado, identificando quando precisa de ajuda”, alertou. Prefeita Milena enfatizou que o município de Vargem tem uma equipe de saúde comprometida e oferece todo o suporte necessário e profissionais habilitados para atuar na prevenção e tratamento de transtornos psicológicos.

(Fonte Ascom Prefeitura de Vargem)