Abrigo do Coração corre risco de fechar as portas em Joaçaba  

Custo mensal do abrigo é de R$ 6 mil. Mais de 70 mil pessoas já passaram pela casa. Quem quiser ajudar pode ligar no telefone (49) 3554-4817.

O Abrigo do Coração que funciona numa casa próximo do Hospital Universitário Santa Teresinha (Hust), em Joaçaba, está precisando de ajuda. A casa, administrada pelo Lions Clube de Joaçaba há 10 anos, passa por dificuldades financeiras.
Suzana Paludo, presidente do Lions, informa que os custos de aluguel, água, luz e telefone, e outras despesas, são assumidas somente pela entidade. Com o surgimento da pandemia em março do ano passado, não foram mais realizadas promoções e a situação administrativa acabou se agravando. “Nós sempre fazíamos feijoada, ação entre amigos, e atividades para ter caixa e pagar os custos, mas agora não podemos e nosso caixa está esvaziando e nós estamos gritando por ajuda”, disse Suzana Paludo. O custo mensal para manter o abrigo funcionando é de R$ 6 mil.
A casa, totalmente equipada com dois andares, é usada de forma gratuita por pessoas que fazem tratamento de saúde no HUST. Elas têm hospedagem e alimentação e as mais carentes ainda recebem ajuda com cesta básica, roupas e outros itens. Em média por mês passam pelo abrigo cerca de 40 pessoas. Um levantamento realizado mostrou que desde o início de criação da casa já passaram pelo local mais de 70 mil pessoas dos mais diversos municípios da região e Estados. “Estamos no sufoco para conseguir manter ela aberta e isso é uma pena, principalmente para aquelas pessoas que fazem tratamento oncológico no HUST”, citou a presidente do Lions.
O Lions não está mais conseguindo absorver sozinho os cursos e agora pede a ajuda da comunidade. Da forma como está não se sabe até quando o abrigo será mantido aberto. Quem quiser ajudar, procure pelo abrigo em horário comercial, existe inclusive uma rifa no valor de R$ 10,00, criada para angariar recursos.
O telefone de contato do abrigo é 3554-4817.