Coluna Pelo Estado – Daniela Reinehr foca na vacina e confirma Carmen Zanotto na Saúde

Foto Divulgação/Secom

Com a fala pausada, medindo as palavras, Daniel Reinehr (sem partido), a governadora interina de Santa Catarina pelos próximos 120 dias, anunciou na tarde desta terça-feira, 30, em entrevista coletiva presencial no Centro Administrativo que a sua gestão terá foco na vacinação dos catarinenses, na compra de medicamentos e na reorganização da logística do esquema de imunização. Para assumir a gestão destas mudanças, a escolhida foi a deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania), que na sexta-feira, 26, tão logo se definiu o afastamento de Carlos Moisés, foi convidada para substituir André Motta Ribeiro na pasta que está no olho do furacão. Reinerh não fez crítica aberta à gestão do agora ex-secretário, mas elencou mudanças como maior aproximação aos municípios e melhor comunicação com Brasília como pontos a serem aperfeiçoados. Para bom entendedor, essas palavras bastam.

A governadora interina destacou, ainda, que pretende investir em campanhas de conscientização e informação à população sobre medidas preventivas. Ela não assumiu claramente a defesa do polêmico “tratamento precoce”, disse que apoia o “atendimento imediato”, como forma de diminuir a pressão sobre as unidades de saúde. Disse ainda que defender medidas “restritivas, não proibitivas”. Em todas as falas, destacou a chegada de Zanotto como ponto chave para estar à frente do processo. Enfermeira, funcionária de carreira da Secretaria da Saúde e com a experiência de já ter ocupado o cargo, Carmen Zanotto tem todas as credenciais para ser a principal figura do novo governo Daniela.

Reinehr também anunciou outras mudanças, com o ex-deputado Leodegar Tiscoski na Secretaria de Infraestrutura; Miguel Bertolini, na Secretaria da Comunicação; Tenente Coronel Alexandre Lemos, na Casa Militar; Gerson Schwerdt, na Casa Civil e Dagoberto Brião, na Procuradoria Geral do Estado. Nomes que ficam em segundo plano diante do desafio na Saúde.

Foto Divulgação

Encontro
O senador Jorginho Mello (PL) articulou o encontro entre o deputado Sargento Lima (PL) e o Presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). O encontro aconteceu logo após a reunião entre o presidente e a bancada federal de Santa Catarina, no Palácio do Planalto, em Brasília, na tarde desta segunda-feira (29). Na oportunidade, Jorginho reforçou o convite para que o presidente Bolsonaro integre o Partido Liberal. “Na foto, os dois (Lima e Bolsonaro) foram convidados. Um já aceitou, agora só falta o outro”. Brincou o senador catarinense.

Voos para Chapecó
A Alesc realiza nesta quarta-feira, 31, às 9h30, a audiência pública que irá tratar da suspensão de voos diretos entre Florianópolis e Chapecó e dos incentivos fiscais concedidos pelo Estado para as empresas de aviação. O pedido para a realização do evento partiu do deputado Marcos Vieira (PSDB), que preside a Comissão de Finanças e Tributação, e foi motivado pela suspensão, pela companhia aérea Azul, dos voos diretos diários entre a capital do estado e o município oestino, a partir do dia 20 deste mês. “Esse cancelamento é muito ruim para Santa Catarina. Por isso, essa audiência pode esclarecer se esse cancelamento está relacionado à pandemia de coronavírus ou também à política de isenção de ICMS para o setor”, argumentou o parlamentar.

Saúde
A Comissão de Saúde reuniu virtualmente diversos setores ligados ao enfrentamento da pandemia,nesta terça-feira (30). A pauta foi desabastecimento de medicamentos e insumos para a Covid-19. O vice-presidente da comissão, deputado Doutor Vicente Caropreso (PSDB), lamentou a impressão clara de que o governo federal pouco fez para evitar a situação atual. Por outro lado, frisou que vê uma aparente mudança no rumo administrativo federal com o novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Inovação
Empresas convidadas pelo IEL, entidade da FIESC, acompanharam nesta terça-feira, em evento on-line, a apresentação de boas práticas em inovação. A iniciativa destacou projetos da Engie, Intelbras e RD Station (Resultados Digitais). O diretor de inovação e competitividade da FIESC, José Eduardo Fiates, apresentou a rede de inovação FaberUp, lançada no ano passado. Além de oferecer um espaço instalado no Ágora Tech Park, em Joinville, a rede promove a aproximação entre empresas e universidades.