Legislativo de Vargem aprova projetos e comissões na primeira sessão

“A expectativa é de ajudar o Poder Executivo a tramitar os projetos da Câmara de uma maneira tranquila. Trabalhar afinado com o executivo e com os nossos amigos vereadores para que tenhamos um sucesso na nossa administração aqui na Câmara de Vereadores de Vargem”, ressaltou Lindones Diames Chiochetta, o Toco, que está em seu quinto mandato e assume pela terceira vez a presidência da Câmara de Vereadores de Vargem.

Na primeira sessão ordinária do Poder Legislativo, na última quinta-feira, dia 4, os vereadores de Vargem aprovaram o projeto que extinguiu um cargo criado pela Câmara, que estava no orçamento, num valor acima, e criaram dois cargos para assessor parlamentar no valor de R$ 1.300,00 para suprir a necessidade da demanda do serviço da Câmara de Vereadores. Outro projeto que teve aprovação dos vereadores foi a alteração do artigo 49 do Estatuto Social do Consórcio Intermunicipal de Saúde (CIS-AMURES) para atender as demandas dos anseios da população de Vargem. O artigo regulariza documentos segundo o estatuto da entidade na qual Vargem é associada.

Confira ainda o que os outros vereadores contaram sobre a expectativa para o mandato e avaliação da primeira sessão do Poder Legislativo do município.

Para o vereador Luiz Fagner dos Passos, do PL, “Apesar de executivo e legislativo serem poderes independentes, tem que haver um trabalho mútuo. Têm que ter uma conversa entre os dois poderes para chegar ao objetivo final que é o bem comum do povo vargense. É a gente sempre tenta conversar antes com a prefeita Milena, reeleita, prefeita também da bancada do PL, pra tá apresentando os projetos de acordo com a necessidade do povo e de acordo com aquilo que o executivo pode fazer no momento. A gente sabe que estamos passando por um período de crise devido à pandemia, além de problemas econômicos, não só no município, mas no país. Então, a gente tem noção do que pode ser feito, o que deve ser feito nesse momento. Tudo com diálogo, com entendimento. Acredito que, pela primeira sessão dessa legislatura, essa nova câmara desse mandato será bem diferente da passada, que muitas vezes atrapalhava o trabalho por motivos políticos. Acredito que agora o trabalho irá fluir melhor”, afirmou o vereador, que está em seu primeiro mandato, que era suplente e assumiu a vaga de Divonei dos Santos, que se afastou por motivo de saúde.

De acordo com Luiz dos Passos, correu tudo bem na primeira sessão na qual foram formadas as comissões permanentes e apresentada algumas indicações. “Eu apresentei uma indicação, solicitando pedras de calçamento em frente ao salão da igreja na Comunidade de Santa Rita. Também irei encaminhar um ofício ao DNIT solicitando sinaleiras eletrônicas nos quilômetros 301 e 307 da BR 282, e no trevo de acesso à Vargem. Ocorrem diversos acidentes e o DNIT ainda não tomou nenhuma providência, então a gente vai encaminhar esse ofício ao superintendente do DNIT. Todos os colegas vereadores assinaram esse ofício”.

Evandro Sérgio Corrêa, do Podemos, está em seu primeiro mandato como vereador e está empenhado para trabalhar em função do povo vargense. “Quero deixar as portas abertas para todos os munícipes, conto com o apoio de todos para fazer uma boa legislação. Quero focar no trabalho, focar nos deveres do vereador que é fiscalizar, cobrar. O vereador é a ponte entre o prefeito e a população. Então, é esse o trabalho que quero desempenhar e conto com a ajuda de todos os munícipes. Estarei à disposição da população para o que precisar”, destacou o vereador.

Sobre a primeira sessão, Evandro Corrêa contou que os trabalhos começaram com diálogo e que é isso que o município precisa. “A primeira sessão começou com as escolhas das comissões e isto foi feito com diálogo, é isso que a gente precisa no nosso município. Vamos conversando que as coisas se alinham. Eu comecei minha jornada pela Câmara fazendo duas indicações, pedindo as melhorias das estradas, pedindo apoio da prefeita, que ela ajude a nossa população. Também deixei as portas abertas da minha casa, para que toda a população chegue, converse, pra gente alinhar os trabalhos do nosso município”, ressaltou.

A expectativa do vereador João Adair Batista da Silva, do PL, que está em seu primeiro mandato, é de trabalhar junto às comunidades. “Pretendo ouvir e dialogar com a população para saber seus anseios e com humildade levar estes anseios até o executivo para tentarmos sanar as necessidades da população”. Sobre a primeira sessão, João da Silva, afirmou que os vereadores tiveram um bom diálogo no qual todos mostraram que tem o mesmo intuito que é ver a cidade evoluir.

Adriana Corrêa, do PL, é enfermeira de profissão e está em seu primeiro mandato como vereadora, gestão anterior assumiu a pasta da Saúde. “A minha expectativa é atuar frente as necessidades da Secretaria de Saúde em prol da saúde e da qualidade de vida de toda população do município de Vargem. Nosso intuito na Secretaria de Saúde, assim como quero seguir na Câmara, sempre foi dar acesso para todos, pelo SUS, de equidade, integralidade e resolução dos problemas a qual nós fomos sempre procurados”, declarou a vereadora.
Segundo ela, a primeira sessão foi bem tranquila. “Na primeira sessão foram votados dois projetos para o bom andamento dos trabalhos e também foram definidas as comissões permanentes da Câmara. São elas: Comissão de Finanças; Comissão de Constituição, Justiça e Redação e Comissão de Serviços e Obras Públicas. Acredito que a gente está aqui para representar toda uma população, que as questões partidárias tenham ficado de lado, na eleição e que a gente possa seguir fazendo um trabalho de acesso a toda a nossa comunidade”, afirmou a vereadora do PL.

O vereador Rubem Alves da Silva, do PSB, que está em seu primeiro mandato, espera fazer um mandato compartilhado junto à população do município. “O principal papel do vereador é fiscalizar o executivo para que as verbas sejam repassadas as secretarias como manda a lei”, ressaltou Rubem da Silva.

Segundo a vereadora Rosane Kunen, do MDB, que está em seu primeiro mandato, a primeira sessão foi muito boa, de muito diálogo, e sua expectativa é de trabalhar pelo povo vargense.

 

 

“Diante de tantos desafios de uma gestão em que me propus a contribuir para que o desenvolvimento de nossa cidade continuasse, tenho uma enorme expectativa para esses quase 4 anos de trabalho. Sou apoiador de muitos projetos que já estão em andamento e tenho muitos para contribuir também com o município de Vagem. Sou grande apoiador e incentivador dos projetos voltados ao nosso pequeno agricultor (produtor rural) e irei trabalhar de modo que possamos fomentar a Agricultura Familiar do nosso município”, declarou o vereador José Adenir da Fonseca, do PL, está em seu primeiro mandato e ressaltou que “Nossa primeira sessão acredito que foi muito proveitosa, pois todos nós trabalharemos por um bem comum que é o desenvolvimento e crescimento de nosso município”.

Até a publicação desta matéria não tivemos retorno do vereador Celso Ir Schereiber, do MDB.

COMISSÕES PERMANENTES DO LEGISLATIVO DE VARGEM

COMISSÃO DE FINANÇAS
Presidente: Adriana Corrêa
João Adair da Silva
Rosane Kunen
José Adenir da Fonseca
Evandro Sérgio Corrêa

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E REDAÇÃO
Presidente: João Adair da Silva
Adriana Corrêa
José Adenir da Fonseca
Rubem Alves da Silva
Rosane Kunen

COMISSÃO DE SERVIÇOS E OBRAS PÚBLICAS
Presidente: José Adenir da Fonseca
João Adair da Silva
Rubem Alves da Silva
Adriana Corrêa
Evandro Sérgio Corrêa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *