Coluna Pelo Estado – “Não devemos nos acovardar”, diz Bolsonaro durante visita a Florianópolis

Foto Divulgação/Secom

A forte chuva no início da tarde desta quinta-feira, 5, ameaçou a chegada do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em Florianópolis, mas, por volta das 14h30, ele desceu na Base Aérea e se deslocou, sob escolta dos carros da Polícia Rodoviária Federal, até a Academia da PRF, no Norte da Ilha, para participar da entrega de 225 veículos de passeio das estruturas de mobilidade dos Sistemas Únicos de Assistência Social (MOBSUAS) para 135 cidades do estado.

Recepcionado por apoiadores aos gritos de “mito”, o presidente se encontrou com o Governador Carlos Moisés (PSL); a vice, Daniela Reinehr (sem partido); os senadores Dario Berger (MDB), Esperidião Amin (PP) e Jorginho Melo (PL), além de prefeitos e vereadores de várias partes do estado. Após a entrega das chaves dos veículos, ouviu o governador Carlos Moisés fazer um relato das economias conquistadas em Santa Catarina e um discurso de aproximação. “O que nos separa é infinitamente inferior ao que nos une”, disse Moisés.

Ao iniciar sua fala, Bolsonaro fez questão de demonstrar seu apreço pelo estado. “Foi aqui que conquistei a largada para a vitória”, disse ao se referir aos mais de 70% de votação em SC.

Em seguida o presidente subiu o tom. Ao fazer menção às vítimas da pandemia, disse lamentar todas as mortes “seja por qual motivo” e disparou: “Não devemos nos acovardar. Não podemos fazer com que medidas para conter a pandemia no futuro venham causar mais mortes que o próprio vírus. O Governo Federal fez sua parte. Os governos estaduais e municipais receberam recursos. É uma pandemia que veio para ficar. Não adianta ficarmos nos lastimando. Vamos lutar, vamos vencer, vamos investir na nossa vacina. E vamos comprar qualquer vacina aprovada pela Anvisa. Sempre disse isso”, concluiu, sob os aplausos e novos gritos de “mito”.

Foto Rodolfo Espíndola/Agência AL

OPOSIÇÃO
A semana foi de aproximação entre o governador Carlos Moisés e os deputados estaduais. Nunca, nesses mais de dois anos de governo, a relação entre Executivo e Legislativo foi tão amigável. Mas nem entre todos. O deputado estadual Ivan Naatz (PL) fez questão de levantar um cartaz com a frase: “Governador Moisés! Cadê os R$ 33 milhões roubados dos catarinenses”. Naatz já deixou clara a sua postura de oposição ao governador, sobretudo porque seu partido já tem um candidato declarado ao Centro Administrativo, o senador Jorginho Melo.

PRF em SC
Na sua passagem por Florianópolis, logo que começou seu discurso, o presidente Jair Bolsonaro mandou o recado: Quer, junto com a bancada parlamentar catarinense, encontrar uma fórmula para viabilizar a compra do terreno onde está a sede da Academia da Polícia Rodoviária Federal. Localizado no km 19 da SC-401, próximo ao trevo para Ingleses e a poucos metros de Canasvieiras, o espaço de 80 mil metros quadrados e com 10 mil metros quadrados de área construída, tem dono, não pertence à União. Depois dessa declaração do presidente, certamente o preço do terreno vai subir.

TRANSPORTE
Já estão valendo os incentivos fiscais para as empresas de transporte coletivo e intermunicipal de SC. A redução da carga tributária foi aprovada pela Alesc, sob relatoria do deputado Milton Hobus (PSD). Até junho de 2022, haverá redução de 80% “nas saídas com óleo diesel e biodiesel destinadas às empresas concessionárias ou permissionárias de transporte coletivo de passageiros”. O ICMS para o transporte intermunicipal de passageiros passou de 12% para 7%.

CIBALC
A Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (Acibalc) realizou a entrega do 2° Prêmio de Inovação da Acibalc. A premiação tem como objetivo incentivar e reconhecer os esforços bem sucedidos de inovação das empresas e órgãos públicos que atuam na região da Amfri e contou com cinco categorias. Os vencedores foram reconhecidos nas categorias de Gestão e Processos, Produtos ou Serviços, Modelo de Negócio, Gestão Pública e Combate ao Covid-19. Cada vencedor recebeu um troféu exclusivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *