Mais três focos de Aedes Aegypti são confirmados em Joaçaba

Foto Divulgação

Em pleno cuidado com o Coronavírus, a população joaçabense não pode se esquecer de outra doença, a Dengue. Nesta quinta-feira (19), três focos foram confirmados em diferentes locais do município: Jardim Cidade Alta (próximo à rodovia 282), Jardim Lindóia e em parte do Centro (nas proximidades do Hospital São Miguel).

Diante disso, a Secretaria Municipal de Saúde solicita aos moradores para aproveitarem este momento para verificarem suas casas e retirarem de ambientes abertos todo material que possa acumular água.

Ao todo já foram registrados sete focos desde janeiro de 2020 em Joaçaba e só neste ano o número de pessoas que tiveram a confirmação da doença já passa de 330 mil em todo o Brasil, sendo que mais de 70 pessoas morreram.

No Estado de Santa Catarina foi registrado mais de 12.000 focos do mosquito.
A Dengue também pode evoluir para óbito. Os dados nacionais são cada vez mais alarmantes e para evitar outro tipo de epidemia é necessário que a população se conscientize sobre os riscos da doença.

Revise sua residência e confira:

* a limpeza e caimento das calhas;

* se a caixa d’água está bem vedada;

* retire os pratinhos dos vasos de plantas;

* evite o cultivo de bromélias em perímetro urbano;

* lave semanalmente os recipientes de água dos animais de estimação;

* armazene pneus, garrafas e outros materiais que possam acumular água em áreas cobertas;

* trate semanalmente a água de piscinas com cloro.

Se cada um fizer a sua parte podemos evitar duas doenças de uma vez só!

Entrevista com Tailise Kopp, agente de controle de endemias do município de Joaçaba.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *