Comida de outono faz bem à saúde


Temperos, clima ajudando o organismo a trabalhar mais intensamente e frutas saborosas marcam a estação que se inicia na próxima semana, com boa comida e favorecendo o emagrecimento

Rodrigo Leitão
jornalismo@gmail.com.br

São vários os pratos característicos dessa época do ano. Outono (20/3 a 21/6) é uma estação propícia para quem gosta de comer bem e quer emagrecer, abusando dos condimentos. Os dias estão ficando mais frios, as noites mais ainda e essa é uma das melhores épocas para perder calorias. Porque quando faz frio, o organismo aumenta o metabolismo do corpo para que a temperatura interna se eleve. Então, as calorias são queimadas com maior rapidez. Por isso é uma época boa para comer receitas quentes e condimentadas, mas sempre usando alimentos frescos e da estação.

Como tempero, acho que o açafrão é o que tem a melhor característica de outono. O açafrão é refrescante, mineral porque é rico em manganês, floral, porque vem de uma flor, a Estigma, e muito saboroso. Ele tem um toque de especiaria, que ajuda a esquentar o corpo. Então, o açafrão seria como o tempero de outono. E outono é tempo de grãos como arroz, milho, lentilhas. Arroz com açafrão fica uma delícia, é a base da paella espanhola também.

Nesta época começa a temporada de fondues, caldos, risotos… Você pode fazer risoto usando açafrão e grãos, como lentilha e arroz. É tempo de sopas com legumes, batatas e carnes. Como o metabolismo fica mais acelerado nesse período, esta é a época de se aproveitar os carboidratos naturais, que são os grãos e os legumes.

É tempo de saladas condimentadas, com pimentas e muitas folhas (rúcula, alface americana, escarolas, agrião), tomates, tomate-cereja, pepino, cenoura, beterraba, palmitos, cogumelos. E elas podem ser completadas por peito de peru, frutos do mar, queijos magros e muita fruta.

As bebidas são os chás aromáticos, porque a bebida quente favorece a queima de calorias nesta época (então, dá-lhe mate!). Os sucos devem ser os das frutas da estação, melancia, melão e goiaba, principalmente. Os vinhos, brancos e rosés e os espumantes similares, porque são frutados, refrescantes e aromáticos para acompanhar as carnes magras da época e as saladas. À noite, vá nos vinhos tintos, principalmente se a opção forem as carnes vermelhas grelhadas e os caldos.

 

CONFIRA O PODER DAS FRUTAS DESTA ESTAÇÃO

Abacate – Importante para o fornecimento de energia, combate o colesterol e favorece a digestão. Muito gorduroso, deve ser consumido moderadamente.

Banana – Reforça a massa muscular. Rica em vitaminas B6 e B12, é ótima repositora de energia. Combate depressão e anemia.

Caqui – Rico em vitaminas A, B1 e B2, cálcio, fósforo, sódio e fibras, regula as funções intestinais. A concentração de antioxidante betacaroteno (provitamina A) retarda o envelhecimento.

Coco – Fonte de ácidos graxos, ferro e fibras. Sua água é um potente soro vegetal que atua contra a desidratação.

Goiaba – Baixo teor calórico e rica em vitaminas A, B1, C, além do cálcio, fósforo, ferro e fibras insolúveis. Auxilia no combate a infecções, fortifica os ossos, os dentes e o músculo cardíaco. Também favorece a pele, retarda o envelhecimento, regula o aparelho digestivo e o sistema nervoso.

Laranja – Rica em sais minerais, fósforo, cálcio e ferro, além de vitaminas A, do Complexo B e C. Aumenta a imunidade.

Limão – Rico em flavonóides cítricos, vitamina C, é importante antioxidante (combate os radicais livres, relacionados ao envelhecimento precoce, a alguns cânceres, entre outras doenças). Fortalece a imunidade, ajuda na cicatrização de feridas e fortifica as paredes dos capilares sanguíneos. Também é antisséptico e usado para tratar infecções respiratórias.

Maçã – Rica em fibras, flavonóides e antioxidantes, é ideal no combate a problemas cardíacos. Concentra potássio e pectina, uma fibra solúvel que ajuda no controle das taxas de colesterol.

Maracujá – Calmante natural, é fonte de vitaminas A, C, do complexo B e de sais minerais. Combate colesterol, triglicérides e favorece o sistema gastrointestinal.

Melancia Rica em sais minerais e vitaminas do complexo B, A e C. Pela grande quantidade de água, age como excelente diurético.

Pêra – Também desempenha papel importante para a boa formação de dentes e ossos. Fonte de vitaminas A, B1, B2 e C, sódio, potássio, cálcio, fósforo, enxofre, magnésio, silício e ferro, niacina e fibras.

Pinha Conhecida como fruta-do-conde, é fonte de vitaminas C e do complexo B, importantes no metabolismo de proteínas, carboidratos e gorduras.

Tangerina – Rica em vitamina C, cálcio e fósforo, essenciais para o desenvolvimento de dentes e ossos, dá vitalidade aos vasos sanguíneos. Age contra infecções e aumenta a resistência do organismo. Favorece a absorção de ferro de outros alimentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *