Grupo da Unoesc de Campos Novos testa pastagens para bovinos e ovinos


Acadêmicos do curso de Medicina Veterinária e Agronomia realizaram plantio de mudas 

Foram seis dias de atividades realizadas sob as intempéries do tempo.

Foram implantadas mudas de pastagem de Jiggs (Cynodon dactylon) em 5,5 hectares e Tifton 85 em 1,5 hectares. O objetivo foi de implantar pastagens perenes de Verão, ou seja, que após plantadas permanecem na área por vários anos. Produzem massa durante os meses mais quentes do ano e ainda permitem o cultivo de espécies forrageiras anuais hibernais durante os meses frios do ano. Estas pastagens serão a base alimentar de ovinos e bovinos que serão mantidos na fazenda experimental da Unoesc Campos Novos.

De acordo com professor Gustavo Krahl, que foi um dos responsáveis pela supervisão da atividade, a implantação de pastagens perenes por mudas é um desafio para as propriedades, pois demanda de elevado investimento inicial e mão de obra para realizar o plantio. Porém, dentre todas as espécies forrageiras disponíveis, as perenes de verão são capazes de aumentar a sustentabilidade das propriedades rurais que trabalham com produção animal baseada em pastagens.

“Esta atividade, além de viabilizar a implantação das atividades práticas na fazenda experimental, através da manutenção de animais de produção, pastagens, estruturas de manejo, alojamento e experimentos, ainda permitiu que os acadêmicos sentissem na prática a realidade da atividade agropecuária”, comenta Krahl.

“A fazenda experimental será em breve inaugurada, estamos edificando o aprisco nesta semana para acomodar as ovelhas e já temos nossa casa de vegetação pronta, onde teremos abrangência das pesquisas e publicações de trabalhos de acadêmicos e professores. Vamos propiciando todas as condições para que nossos acadêmicos obtenham o maior número de conhecimento possível em sua estadia na universidade”, explica o diretor da Unoesc Campos Novos Prof. Diego Gadler.

Fotos Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *