Incêndio no CT do Bangu deixa dois jogadores e um funcionário feridos

Sete atletas e um funcionário do Bangu estavam no alojamento no momento do incêndio e foram levados ao Hospital da Aeronáutica para realizar exames. Seis foram liberados. Dois deles continuaram internados até as 22h, quando o lateral-esquerdo Diego Casco, de 18 anos, teve alta. O zagueiro Mattheus Rocha (foto), de 18 anos, segue internado. Ele está no CTI, mas apenas por precaução, já que inalou quantidade maior de fumaça. Mas não corre risco de vida.

O incêndio durou cerca de 10 minutos no alojamento da CDA (Comissão de Desportos da Aeronáutica), localizado no Campo dos Afonsos, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O fogo foi controlado rapidamente pelos Bombeiros, com a ajuda de três soldados da Aeronáutica.

O Bangu emitiu comunicado sobre a situação dos atletas:

“O Bangu Atlético Clube informa que os atletas do sub-20 Diego Casco, 18 anos, lateral-esquerdo, e Mattheus Rocha, 18 anos, zagueiro, não correm risco. No meio da tarde desta segunda-feira, 11, houve um incidente em um dos quartos da Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA), na Zona Oeste do Rio de Janeiro, onde ambos os atletas estavam repousando após o treino da manhã. Eles foram encaminhados imediatamente ao hospital da Aeronáutica.

 As causas do incidente estão sendo apuradas pela administração do local.

 Ressaltamos que os atletas foram prontamente atendidos e Diego Casco já foi liberado. Matheus Rocha seguirá em observação por ter inalado fumaça. Outros cinco atletas do Bangu também receberam atendimento médico, assim como um membro da comissão técnica. Eles também foram liberados.

O Bangu Atlético Clube agradece à administração do Campo dos Afonsos e o corpo médico da Aeronáutica que deu todo o suporte e atendimento ao clube.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *