Carlos Moisés extingue as ADRs e dispensa mais de 400 comissionados


No primeiro Diário Oficial do Estado do ano, publicado na quarta-feira (2), o governador Carlos Moisés (PSL) oficializou o início das contratações e as exonerações da nova gestão. Nos desligamentos, foram publicados dois atos de exoneração, um de dispensa de comissionados e um de cessar a designação de servidores. Ele também publicou um ato de nomeação.

Nas Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs), ele exonerou os secretários executivos das 19 unidades e 59 funcionários, com cargos que variam de assessor de comunicação a gerente de educação. No ato de exoneração de cargos comissionados ou função gratificada, foram 458 dispensas em secretarias e órgãos públicos. As funções variam de atendimento técnico a diretor de hospital.

Também foram dispensados para serem substituídos 14 cargos de Secretaria de Estado, Procuradora Geral do Estado (PGE) e Casa Civil. Outros 13 cargos, entre presidentes de autarquias e diretores e gerentes de órgãos públicos, foram desligados. Dois secretários executivos, que eram técnicos de carreira, também perderam as funções.

O governador anunciou que ainda vai extinguir 922 cargos comissionados, principalmente entre sobreposições de funções.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *