Brut rosé é a bebida da Primavera

Rodrigo Leitão
jornalismo@raizesdiario.com.br

Eu adoro espumant brut rose. É o meu preferido. E o que eu mais gosto é Adolfo Lona Brut Rosé (o Orus, então, nem se fala!). Mas existem outros bons espumantes brasileiros – e só vou falar aqui de espumantes nacionais. O preço deles varia muito, mas digamos que numa faixa de R$ 40 a R$ 60 é muito difícil você encontrar algum espumante estrangeiro melhor que o nosso.

Particularmente, gosto do Brut Rosé da Dal Pizzol, do Poética da Salton, Do Brut Rosé da Rio Sol, do rosé da Don Giovanni e do Luiz Argenta Espumante Brut Rosé.

Geralmente, os brut rosé são feitos de pinot noir, chardonnay e merlot, mas alguns produtores usam também cabernet franc e cabernet sauvignon. Na região de Champagne, na França, de onde vem essa maravilhosa invenção cor-de-rosa, os rosés são feitos a partir da mistura de vinhos tintos com brancos. Mas no resto do mundo não se dá tanta importância a isso. O que se preserva é a intenção de produzir um vinho ou espumante aproximadamente tinto, mas com o frescor e as sensações do vinho branco.

E é por isso que adoro os brut rosé. Na minha opinião, esse tipo de bebida é a cara do Brasil e nenhum outro país possui as características climáticas e geográficas tão adequadas. Afinal de contas são 8 mil quilômetros de praias. E é um espumante que combina com tudo, desde a entrada em uma recepção até um churrasco. Tenho recomendado o Brut Rosé do Adolfo Lona (foto) para casamentos e tem feito muito sucesso, tanto aqui em Brasília quanto fora da cidade.

Brasília passa a ser, nesta linha de raciocínio, uma cidade muito propícia ao consumo do espumante brut rose. Aqui se tem a maior concentração de piscinas por metro quadrado do Brasil, temos um clima quente e seco e um lago maravilhoso a nos convidar a sorver uma deliciosa taça de espumante rosa, bem gelado, servido a uma temperatura entre 6 e 10 graus. Ou seja, o que você está fazendo lendo este texto? Vá já tomar uma taça e feliz Primavera!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *