Aumenta gasto de turista no Carnaval, Carnafolia fica com 80% dos recursos

Claudia Mota e Rodrigo Leitão
jornalismo@raizesdiario.com.br

Os cerca de 4 mil turistas que vieram a Joaçaba para o Carnaval 2018 deixaram na cidade cerca de R$ 6,5 milhões, um crescimento de R$ 3,5 milhões em relação a 2017. Mas, segundo os números divulgados pela Pesquisa Fecomércio, nesta terça-feira, num café da manhã que reuniu as principais autoridades e representações do município, no Clube Cruzeiro, o Carnafolia ficou com 79,3% dos gastos destes foilões. Diferentemente dos anos anteriores, em 2018 a pesquisa da Fecomércio envolveu apenas turistas, para traçar um perfil mais fiel deste consumidor eventual no mercado local. Se por um lado o evento que dura cinco noites atraiu mais recursos, por outro, o ticket médio de gastos no comércio caiu 35% em relação a 2017.

De acordo com as respostas dos comerciantes, os turistas compraram, em média, R$ 90,00 per capta durante os cinco dias que estiveram na cidade. Já os foliões entrevistados, 52,5% do total, disseram que gastaram R$ 285,00 com compras. Segundo o coordenador da pesquisa, Renato Barcellos, gerente de Planejamento da Fecomércio SC, isso significa que os cupons emitidos pelas lojas e que foram contabilizados, apresentaram um resultado menor do que o efetivamente se gastou, já que nas contas dos foliões entram gastos em lojas e lanchonetes que não utilizam esse sistema.

A prestação de contas do Carnaval de Joaçaba 2018 será feita pela Liga Independente das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval d´Oeste (Liesjho) com a Prefeitura de Joaçaba no mês de abril. “Depois da prestação de contas do Carnaval 2018”, segundo o prefeito Dioclésio Ragnini, “vamos tratar o que será feito para o próximo ano”. Ele reiterou o que já havia dito ao Raízes Diário na edição de segunda-feira, dia 19, e defendeu “que o evento (desfile das escolas de samba) deve ser em apenas um dia. Vamos conversar com a Liga é ver se isso é possível devido a Lei Rouanet.”

Sobre a possibilidade da Prefeitura de Joaçaba assumir o evento, o prefeito disse que a administração pública tem algumas ideias, mas não assumirá o evento. Sobre o repasse de verbas, Ragnini afirmou que deve manter o mesmo valor (R$ 600 mil). “Como vimos aqui, na pesquisa divulgada pela Fecomércio SC, o Carnaval de Joaçaba traz desenvolvimento para região. Vamos ver como se comporta a economia este ano e a principio vamos manter o mesmo valor.”

Diehgo Joe Müller, presidente da Liesjho, afirmou que a diretoria da entidade já definiu que se tiver três escolas de samba, o desfile será em apenas uma noite. “Se voltar a Vale Samba, que tem um patrocinador abraçando a causa, e se isso se confirmar, daí o desfile será em duas noites, com duas escolas em cada uma.”

Os destaques positivos da pesquisa são os elogios à receptividade, atendimento e atenção nos serviços e comércio da cidade, bem como a limpeza das ruas e estabelecimentos, e a segurança. Joaçaba teve nota 4,3 em cinco pontos na avaliação média destes quesitos. Praticamente estável em relação aos três últimos anos. Já a satisfação pelo entretenimento cresceu. A fidelização dos foliões de fora para um retorno em 2019 foi de 91,4% este ano, contra 87,4% de 2017.

 

CONFIRA OS PRINCIPAIS PONTOS DA PESQUISA

PÚBLICO
Homens – 68,2%
Mulheres – 31,8%
Jovens de 18 a 25 anos – 46%
Jovens de 26 a 30 anos – 30%
Solteiros – 76,4%

ORIGEM DO PÚBLICO
Brasileiros – 98%
Santa Catarina – 66%
Paraná – 13,4%
Rio Grande do Sul – 11,2%
Florianópolis – 9,1%
+ 68 municípios de SC – a maioria de Chapecó, concórdia, Caçador e Lages

 

CLASSE SOCIAL
B – 50,6%
C – 22,1%

HOSPEDAGEM
Hotel e similares – 33,3%
Casa de parentes/amigos – 57,6%
Imóveis alugados – 6,9%
PERMANÊNCIA NA CIDADE
5 dias – 2018
4,4 dias – 2017
8 dias – 2015

DESLOCAMENTO
Veículo próprio – 71%

COMO VIAJARAM
Com amigos – 56,5%
Casal sem filhos – 14,9%
Sozinhos – 14,9%
Apenas para o Carnaval – 86,59%
Para visitar parentes – 9,42%
A trabalho ou a convite da empresa – 3,62%
Pelas belezas naturais da região – 0,36%

GASTO MÉDIO
2018 – R$ 1.636,00
2017 – R$ 1.136,00
Transporte – R$ 256,30
Alimentação – R$ 618,25
Lazer (ingressos Carnafolia) – R$ 572,41
Hospedagem – R$ 749,72
Comercio – R$ 285,00
PARTICIPAÇÃO NA FOLIA
Carnaval – 91,3%
Carnafolia/blocos – 79,3%
Desfiles/blocos – 30,4%

SERVIÇOS E ESTRUTURAS
Segurança – Nota 4,3 de 5 pontos
Atendimento/Atenção – Nota 4,2 de 5 pontos
Limpeza da cidade – Nota 4 de 5 pontos
Vias de acesso – Nota 3,7 de 5 pontos
Banheiros – Nota 3,4 de 5 pontos
FIDELIZAÇÃO
91,4% disseram que voltam em 2019

INVESTIMENTO LOCAL
3% das empresas investiram no Carnaval
29% foi o aumento do fluxo turístico na visão do comércio

ASPECTOS NEGATIVOS
42% reclamaram do trânsito
36% criticaram o acesso ao comércio
6% questionaram a falta de estacionamentos
Preços do comércio – Nota 3,6 de 5 pontos

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *