Previna-se: semana de muito sol e calor!

De acordo com a meteorologia, esta semana será de muito sol e calor no Meio Oeste de Santa Catarina. Embora possa chover nas tardes de amanhã e quarta-feira, a predominância é de dias ensolarados e muito quentes. A temperatura média regional ficará na casa dos 34 graus, a máxima e 17 graus, a mínima. Por isso, os especialistas alertam que os cuidados com a pele, principalmente para aqueles forem frenquentar as piscinas de águas quentes, deve ser redobrado, já que o risco de ressecamento e consequente queimadura é muito elevado.

A pele é o órgão responsável pela cobertura do organismo e sua proteção. Dividido em camadas, compreende a derme e a epiderme: a derme é a camada externa da pele, composta por colágeno, elastina, proteínas e outros que dão sustentação à epiderme. Esta, por sua vez, é a camada mais profunda da pele, composta por queratina, melanócitos e células imunitárias. Por ser o maior órgão do organismo e o responsável pela sua proteção, a pele requer muitos cuidados.

Por ser o maior órgão, a pele deve ser bem cuidada para que proteja bem o organismo contra agentes externos. A utilização de hidratantes, bem como a ingestão de alimentos benéficos à pele, auxilia na manutenção da elasticidade e maciez. Os protetores e bloqueadores solar devem ser utilizados diariamente mesmo em dias de pouco sol, já que a claridade e algumas classes de lâmpadas irradiam sobre a pele podendo provocar o envelhecimento precoce da mesma. É importante que a pele seja protegida contra os raios nocivos do sol (UVA e UVB) para prevenir o câncer de pele e queimaduras.

Se existe o desejo de bronzeamento, sugere-se que protetores contra os raios ultravioletas sejam usados, pois assim a produção da melanina será ativada sem prejudicar tanto a pele.

 

O QUE VOCÊ PODE FAZER

Evitar a exposição excessiva ao sol e proteger a pele dos efeitos da radiação UV são as principais formas de prevenir o câncer de pele. A SBD dá ainda algumas dicas para afastar a doença:

– Usar chapéus, camisetas, óculos escuros e protetores solares;

– Cubra as áreas expostas com roupas apropriadas, como uma camisa de manga comprida, calças e um chapéu de abas largas;

– Evitar a exposição solar e permanecer na sombra entre 10 e 16 horas (horário de verão);

– Na praia ou na piscina, usar barracas feitas de algodão ou lona, que absorvem 50% da radiação ultravioleta. As barracas de nylon formam uma barreira pouco confiável: 95% dos raios UV ultrapassam o material;

– Usar filtros solares diariamente, e não somente em horários de lazer ou de diversão. Utilizar um produto que proteja contra radiação UVA e UVB e tenha um fator de proteção solar (FPS) 30, no mínimo.  Reaplicar o produto a cada duas horas ou menos, nas atividades de lazer ao ar livre. Ao utilizar o produto no dia a dia, aplicar uma boa quantidade pela manhã e reaplicar antes de sair para o almoço;

– Observar regularmente a própria pele, à procura de pintas ou manchas suspeitas.

– Manter bebês e crianças protegidos do sol. Filtros solares podem ser usados a partir dos seis meses;

– Consultar um dermatologista uma vez ao ano, no mínimo, para um exame completo.

 

Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD)

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *